caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

sábado, 1 de outubro de 2011

Pescando (ou predando) com eletricidade

Voltando a postar sobre equipamentos pouco usuais para pesca, retorno agora com um equipamento que permite "atordoar" os peixes através da geração de pulsos elétricos.

A maquininha, vendida em famoso site de bugigangas chinês, é anunciada como "um grande parceiro para a pesca", funciona da seguinte maneira: você liga dois cabos em uma bateria de 12 volts e 36 Amperes e mergulha os eletrodos na água e este formará um bolsão de cerca de um metro cúbico que matará ou atordoará tudo que entre nele, peixes, alevinos, embriões. A potencia da maldita chega a 500W. Uma maquininha assim faria muito sucesso nos órgãos de repressão dos anos 60/70.

Ao ver o produto no site, deixei meu protesto, no que fui acompanhado por vários outros pescadores esportivos. Teve um colega pescador que comentou, devido a má construção do equipamento, sem nenhuma blindagem para o caso de cair na água, que deveria aproveitar e matar também o "pescador" que usá-la. :-)

Inclusive as chamadas armas não letais de eletrochoque foram colocadas em evidência quando a "limpíssima" Polícia do Canadá matou um cidadão polonês ao atingi-lo com alguns disparos de uma famosa arma de eletrochoque. Clique aqui para ver. O assassinato acontece aos sete minutos do vídeo.

Realmente existe este tipo de equipamento para trabalhos de pesquisas em aquicultura (criação de peixes) , onde a potência é baixa e regulada para não causar danos ao peixe, apenas atordoar, mas só é colocada na água próximo ao peixe. O equipamento para pesquisa é caro e mais complexo. Veja os vários exemplos do uso, inclusive mau uso, nos vídeos abaixo.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.