caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Elasticidade da Linha X Ação da Vara

Quando estamos pescando é comum termos casos de apenas sabermos que tem um peixe fisgado apenas quando vamos recolher a linha.

Para entender um dos motivos pelo qual isso acontece é necessário conhecer dois conceitos em pesca de praia:
  1. Ação da vara de pesca
  2. Elasticidade da linha
A ação da vara pode ser lenta, média, ou rápida. Uma vara lenta é o que chamamos de uma "vara mole", ela é bem flexível. Já uma vara rápida é bem "dura" e verga apenas a ponta. Veja o quadro abaixo.



O quadro acima veio do livro NOÇÕES GERAIS DE PESCA DE ARREMESSO, ZILLING editora, Brasil, 1997, da autoria de Sílvio Fukumoto, livro que é a referência brasileira em pesca de praia.

Já a elasticidade da linha pode ser definida em maior ou menor a depender do acréscimo de comprimento que esta tenha por unidade de medida quando submetida a um mesmo esforço. Uma linha elástica aumentará bastante o seu comprimento quando submetida a esforços.

Mas voltando ao fato do peixe "bater" e a gente não "ver", isso ocorre normalmente quando o pescador mais desatento faz uma mistura de uma vara de ação rápida com uma linha muito elástica e ainda por cima lança longe. Se entra um peixe pequeno, não muito brigador, como um barbudinho (parati barbudo), fique certo que se não viu a primeira batida não saberá que tem peixe na linha senão quando recolher.

Uma vara lenta com uma linha muito elástica também só se justifica se o objetivo são grandes exemplares ou peixes de "boca mole", quando a elasticidade ajuda a ação da vara. Se você está pescando em torneios de pesca, o casamento da ação da vara com elasticidade da linha tem que ser perfeito.

Se você quer sentir o peixe na primeira beliscada, use uma vara lenta com uma linha de baixa elasticidade ou linha multifilamento. lembre-se também que qualquer onda ou deslocamento da chumbada no leito marinho será acusado na vara. Dá para sentir até o peixe rondando a isca. :-)

Se você está buscando grandes peixes, mas tem que lançar muito longe, use uma linha fina bem elástica e uma vara de ação rápida. Ou então use linha multifilamento, o que lhe permitirá uma resistência no minimo duas vezes superior a uma linha de monofilamento do mesmo diâmetro.

São exemplos de varas de ação lenta as DAM Emotion e Tacom, e rápidas as Killer e Coral.
Linhas muito elásticas são a MAX da Dayama e Grylon e pouco elásticas a Red Spider e as de multifilamentos, essa última com a elasticidade próximo do zero.


Se você está vendo um único post, clique na figura abaixo para ir ao Blog Milpesca

3 comentários:

  1. Ótimo artigo Milton!
    É muito comum vc encontrar pescarodores reclamando que tem peixe roubando a isca e mais comum ainda, outros dizendo que nunca consegue ver o momento que o peixe fizgou no anzol.
    Eu já passei por isso e consegui aprimorar, depois que comecei a participar dos torneios do Clupesal.
    Certa vez, fomos, eu e Linda pescar com o André e Marília em Ponta dos Garcês, em Cacha Pregos. Um local sem ondas e de águas muito calmas.
    Eu ficava olhando para ver o momento que o peixe beliscava e nada. Enquanto isso, Marília e André toda hora gritava "tem peixe". E tinha mesmo.
    A diferença estava mesmo nesses detalhes entre o equipamento deles e o meu.

    Abraço,

    Júnior

    ResponderExcluir
  2. Vivendo e aprendendo...
    + uma licao aprendida... hehehehe
    Valeu pelo post!!!

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário.