caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

domingo, 18 de abril de 2010

Diário de Torneio VIII

Uma semana depois do temporal do dia 11, quando tivemos adiada a etapa o Torneio Individual de 2010 do Clupesal, o tempo estava assim, maravilhoso, em Porto Sauípe.
Tivemos esta semana três "baixas" no Clupesal, o André Barbosa, ainda em convalescença, o Júnior internado no trabalho, um verdadeiro workholic, e agora o Ervin, com um problema que o impede de tomar sol.

Chegamos as 06:30 junto com o Deco Loureiro e 0 Joel e sua família. Já encontramos por lá o Marcelo Leite e os irmãos Maurício e Tarcísio Lins. Ficamos conversando e os irmãos Lins nos mostraram suas aquisições: O novo molinete Orion da Marine e uma vara Surf Cost da Sumax. Ficamos bem impressionados com a vara Surf Coast, leve e muito bem acabada e a um preço razoável: R$ 350,00.

Com as ausências do Ervin e André bARBOSA, fui solicitado para junto com o Adelson conduzir o sorteio e a pesagem, o que foi muito fácil pois os participantes são realmente participantes e ajudam em tudo, principalmente na marcação dos setores, e tornaram esta tarefa muito fácil, com absoluto seguimento das normas e condições estabelecidas, sem recalcitrâncias.

E o início sorteio, realizado 'as 07:10.


Iniciado o torneio, exatamente as 08:00 horas. Como faltam apenas três etapas e minha colocação não é das melhores e sendo suípe conhecido pelos grandes exemplares, parti para tentar pegar os bitelos e a estratégia foi a de usar grandes anzóis e grandes iscas. Investi para valer no filé de barbudinho (parati). As onze horas tive a certeza que ou passava para os micro anzós ou ia amargar um "sapato".

E foi o que fiz, coloquei em uma das varas uma parada com anzóis akita 7, coloquei uma chumbada esférica para correr toda a vala no primeiro canal e peguei três exemplares em uma hora. Ainda assim o peso total das três peças: 160 gramas. Horrível, depois de quase vinte dias sem pescar ter que usar anzóis 7.

E os pequenos peixes foram a tônica em Sauípe. O maior exemplar foi do Vicente, um barbudo de 440 gramas. Sagrou-se campeão da etapa o Adelson, com doze peças, digo treze peças, pois descobrimos depois da pesagem mais um exemplar, minúsculo, no saco plástico, o qual não foi contado por já se ter encerrado a pesagem. O Adelson é "o cara" na espuminha. Seu Belo, Aloysio, Deco e Júnior completaram os 5 primeiro lugares.

Segue as fotos, todas do Aloysio. O Manequinho é por minha conta. Mais fotos e estas fotos podem ser vistas no Orkut do Aloysio, clique aqui para ver.


Se você está vendo um único post, clique na figura abaixo para ir ao Blog Milpesca - Pesca de Praia










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.