caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

domingo, 3 de julho de 2011

Chumbada Ecológica - Lobby e Sofisma


Será que o Sr. da foto abaixo, sobre uma ponte de um rio paulista, está com o lenço no nariz por causa dos pescadores esportivos?
fonte: ESTADÃO clique na foto para ir a página http://topicos.estadao.com.br/fotos-sobre-poluicao/pvprotestopoluicaotiete,5eb95bb2-ab72-4785-bf45-01f6f146468a

No dia 01/07/2011, última sexta feira, venceu o prazo para que o projeto
PL 4.076/2004, proibindo especificamente o uso do chumbo nas atividades de pesca, pudesse ser resgatado e colocado em votação. Clique aqui para ver o projeto.

Conforme o Estatuto da Câmara, um projeto proposto em uma legislatura anterior, mesmo quando o propositor não é reeleito, este pode desarquivar e dar continuidade, mesmo estando fora da atual legislatura.

Este projeto, em minha percepção, foi a tentativa de através de um sofisma, que é a poluição dos rios e mares pelos chumbos das atividades de pesca, implantar o uso de uma chumbada a base de cerâmica, curiosamente por uma chumbada ecológica específica, produzida na cidade do propositor da lei, cujo nome, também curiosamente, é o Sr. Lobbe Neto.

No decorrer do processo, outras comissões do Congresso retiraram do texto a referência da "chumbada" ecológica a ser utilizada.

Enquanto se faz proposição de leis para atender a lobby, as verdadeiras causas da poluição dos rios, tais como esgotos, fábricas, lavouras e pesticidas além de falta de conscientização popular, continuam campeado pro ai.

Ficaria orgulhoso se a maior fonte de poluição dos rios já fossem as chumbadas de pesca, pois já teríamos água potável em todos os rios e não a meleca fedorenta que escorre na maioria, principalmente em São Paulo, estado do autor do projeto e o mais industrializado do Brasil.

É claro que, apesar de insignificante, a poluição causada pelas chumbadas existe, e seria melhor que não o fizéssemos, mas tal objetivo pode ser alcançada com o uso de metais inertes, tal qual o tungstênio, de maior peso específico. Um barateamento do preço do tungstênio poderia ser obtido com renúncia fiscal governamental, possibilitando o seu uso. Isso seria maravilhoso para a pesca esportiva.

Como o eleitor brasileiro está cada vez mais esperto, propositores de leis com segundos propósitos têm sido tido sistematicamente reprovados nas urnas. Este sim, é um dos primeiro passos para despoluição.

Veja também o post Material Substituto Para Fabricação de Chumbadas sobre o uso de tungstênio em substituição ao chumbo.

Mas se por pura consciência ambiental, sem o uso forçado por leis miópes que buscam esconder problemas maiores e verdadeiros, você quiser utilizar a chumbada ecológica, recomendamos consultar: http://www.alocer.com.br/

Enquanto aguardávamos a prescrição (perda de uma pretensão pelo decurso do tempo) do intempestivo e equivocado projeto de lei...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por seu comentário.