caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Fabricando Chumbadas em Casa

Ontem eu e o Deco Loureiro juntamos esforços para a produção de chumbadas, a maioria piramidais de base triangular.

O Deco tem uma facilidade para a obtenção de sucata de chumbo e como já tinha juntado cerca de 3,5 quilos e estava "injuriado" (tradução do baianês: revoltadíssimo) com os preços cobrados pelas lojas de materiais de pesca e eu também já tinha por aqui cerca de 1,5 quilos de chumbadas velhas, disformes ou com os grampos quebrados e vivo insatisfeito com os peso e forma das chumbadas vendidas, juntar os esforços foi uma ótima idéia.

Começamos produzindo os grampos com os giradores, ambos em aço inóx, enquanto derretíamos a primeira fornada de chumbo. Os giradores foram fixados aos grampos com fita crepe.

Desta vez não tivemos problemas com o chumbo pois o que Deco trouxe estava limpo e lavado e o meu também. Desta vez não contaminei o condomínio com o cheiro de resíduos misturados ao chumbo.

Na fabricação eu enchia as formas com o chumbo derretido e o Deco vinha em seguida colocando o grampo com o girador. Fizemos seis fornadas, derretendo cerca de um quilo de chumbo por vez. As chumbadas que ficavam com algum defeito eram derretidas novamente. As formas das chumbadas eram quatro minhas e três do Deco. Tudo isso foi feito com luvas, sapatos, camisas e máscaras, com toda segurança.
Produzimos, em aproximadamente duas horas e meia, 39 chumbadas com peso médio de 125 gramas cada uma, esgotando todo o estoque de chumbo. Quase cinco quilos.

O Deco trouxe uma balança eletrônica de precisão e escrevemos nas chumbadas com uma caneta de marcar chapas de aço o peso de cada uma.

Para ver detalhes de fabricação das formas, dimensionamento das chumbadas, cuidados a tomar, EPIs a usar e quais materiais são usados, clique aqui.

Se você está vendo um único post, clique na figura abaixo para ir ao Blog Milpesca

7 comentários:

  1. Otima idéia! e ficaram bonitas... parabens! a Cerveja do Deco nao poderia faltar neh ? kkkk abraços!

    ResponderExcluir
  2. Olá Kesso, àquela cerveja é a minha. A do Deco não saiu na foto. :-) Mas só as tomamos quando as fornadas estavam praticamente concluídas, para evitar qualquer "alegria" durante a fabricação. Na verdade foi igual ao que Lindinalva fez comigo no campeonato: só bebe se pegar um peixe decente. :-)

    ResponderExcluir
  3. Hehehe.
    Muito bom Milton. Essa da cerveja é ótima.
    As chumbadas ficaram ótimas.

    Meu pai tem algumas baterias velhas no depósito as quais provavelmente virarão chumbadas também.

    Vcs vão para Sítio? Estou indo amanhã de manhã, com Linda e minha mãe.

    Grande abraço,

    Júnior

    ResponderExcluir
  4. Graannndeee Júnior. É melhor aparecer mesmo pois você já está virando um mito na pesca de praia: todo mundo sabe que está aqui, mas ninguém vê.
    Até lá companheiro, e boa viagem.

    ResponderExcluir
  5. Caro Milton,
    Não nos conhecemos pessoalmente, meu nome é Tristão, sou amigo do Paulo Bondan, Álvaro da ABAETÉ, Augusto Bahia e tantos outros do CLUPESAL. Já participei de duas etapas dos campeonatos esse ano, porém sem grandes emoções.
    Pôxa! Você está de parabéns pelo seu blog. Além de muito bem escrito, com linguagem clara e de fácil entendimento, vc passa todos os "bizús" pra galera. Tenho acompanhado seu blog e inclusive estou utilizando algumas técnicas que vc vem recomendando pra ver se pego alguma coisa, né?! E aproveito a oportunidade pra agradecer os ensinamentos.
    Quanto a fabricação das chumbadas, ficaram realmente ótimas,e pretendo tentar fazê-las também, portanto será que vc poderia informa-me a loja que vende o gesso pedra, marca Troquel Quatro? Pois já andei procurando mas não consegui achar aqui em Salvador. E desde já muito obrigado novamente.
    Boa pescaria.
    Forte abraço,
    Tristão.

    ResponderExcluir
  6. Meu amigo,

    Sempre venho acompanhando seu blog, gosto demais das matérias, e também gostei da matéria da fabricação das chumbadas, e o que eu gostaria de saber é em relação a isso, fabricar os próprios artigos para pesca, eu pesco muito no mar e como acho um absurdo de caro os valores dos empates eu mesmo faço os meus, porém ultimamente estou indo pescar em costeiras onde se perde muitos empates devido aos enrroscos. com tudo isso eu gostaria de saber se por acaso vcs sabem onde eu compro giradores e presilhas por quilo ou em grande quantidade por um preço ascessível? como nós temos uma turma muito grande (22 pessoas) que sempre está indo pescar queria comprar os giradores e presilhas em quantidade para estar fazendo os empates para baratear. se tiverem a informação por fazer responder no meu email.


    Muito obrigado
    Aguardo retorno
    Ricardo

    ResponderExcluir
  7. Caro Ricardo, desculpe a demora. O fornecedor que conheço é a Metalúrgica Gil ( http://www.metalurgicagil.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=50&Itemid=57 ). Não sei se eles fazem venda direta, mas podem lhe informar como comprar. Boa sorte e obrigado pelo comentário.

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário.