caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

domingo, 29 de maio de 2011

Pescaria em Sauípe III - Pesca Noturna

Ontem por volta das 08h30min enviei por e-mail o seguinte QTC Geral:

Companheiros,

tentei pescar hoje no Flamengo.

Vento legal, mar idem, sargaço até quenão tinha muito, mas era suficiente para arrastar a parada na direção sul em poucos minutos.

Como a maré baixa hoje foi as 07h00, os melhores lugares são o Flamengo e Porto Sauípe. Penso em ir em Sauípe à tarde (15h00) e entrar um poucopela noite. Quem topa?

Tenho três vagas no carro, desde que a varas possam ir no bagageiro.Lanterna e camisa extra (frio) são indispensáveis.


Enviei a mensagem para 10 pescadores que já manifestaram desejo de uma pescaria noturna e sete deles retornaram, mas só o Deco e Joel positivamente.


Ruy, Jair, Alessandro e Pernambuco avisaram que estavam trabalhando e o Maurício informou que estava envolvido em uma "emergência" ambiental, veja trecho do e-mail dele abaixo:

"PARCEIRO RECEBI UM COMUNICADO URGENTE INFORMANDO QUE ESTÁ TENDO EXTRAVAZAMENTO DE CEVADA EM POJUCA......ME CONVOCARAM PARA NORMALIZAR O NÍVEL HEHEHEHH."


Saímos ás 15h00 e às 16:10 já pescávamos, e Joel pescando com material "barra leve" (quem diria, hein, o cara da arraia de 11 quilos...) pegou o pampinho da foto abaixo.
E em seguida Deco capturou, mesmo na barra média, outro pampinho.

Apesar dessas ações iniciais, a pescaria foi marcada pela pouca ações dos peixes, apesar das excepcionais condições de vento, mar e temperatura.

Eu continuava insistindo com a pititinga como isca e na barra média. Mesmo com duas varas fiquei por duas horas "no sapato".

Já estava tudo escuro e eu tinha acabado de por os "star light" nas varas minha e do Joel quando vi a minha vara bater. Após uma breve luta, com boas cabeçadas, coloquei em seco a caranha da foto abaixo.
A caranha não é um peixe comum na beira da praia e eu e Deco não identificamos de pronto. Coube a Joel fazer a identificação, já que ele tem experiência em foz de rios e mangues, onde a caranha é comum.

No mais, foram mais dois pampinhos e de notável tivemos apenas mais um bom barbudo capturado pelo Joel.
Saímos de Sauípe por volta das 20h00. Apesar dos poucos peixes, a pescaria no geral foi bem agradável graças a excelente companhia dos amigos, que ainda deixaram os peixes para mim.


Um comentário:

  1. Boa Miltão!
    Pescaria noturna é sempre muito agradável.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário.