caiaque bahia

caiaque bahia
Visite o Caiaque Bahia - clique na imagem

sábado, 26 de novembro de 2011

Diário de Caiaque IV

Hoje fomos  novamente a Lagoa de Guarajuba eu, Lindinalva, Ana Luiza e Bruno. Eles estavam curiosos à respeito do caiaque que tenho tanto elogiado ao longo da sema.

Saímos por volta das 07h00 e de novidade temos novas pás de remo da Canoe, adquiridas de segunda mão, a amarração do caiaque por cinta com catraca, com uma volta no caiaque (dica do colega Guimarães, do fórum CB), uma caixa de tralhas adquirida no Atacadão da Estrada do Coco, um cabo deslizante para ancora, feito com material adquirido na loja Dumar, uma âncora tipo "guarda-chuva" adquirido na loja  Esportimar, as duas lojas na Conceição da Praia e montados com orientações do fórum Barracudateam, clique aqui para ver. Adquiri também um passaguá (puçá) que parece-me uma alternativa melhor ao alicate de contenção ou ao "bicheiro", e o novo colete da Sumax, esse com uma historinha que conto adiante.

Primeiro as fotos do caiaque preso ao rack com a cinta com catraca. A amarração ficou fácil, rápida e muito simples.

  



Lindinalva e Ana, comigo ao fundo. 
Ana Luiza adorou andar de caiaque


E o Bruno, idem. A facilidade do uso foi comentado pelos dois.


Eu fiquei tentando uma traíra ou tucuna, mas sem resultados.
Quem pegou peixes mesmo foi Lindinalva, após fazer uma armadilha com um garrafa pet, capturando várias piabas.

Usei as piabas capturadas como iscas vivas, mas também não tive sucesso.

Quanto ao colete, esse item tão importante, fiz o teste de flutuabilidade sugerido pelo colega Fabio_RJ neste post do fórum CB e confirmei que minha flutuabilidade é negativa, ou seja, não bóio nem a pau, Juvenal.

Sempre causei espanto nos exames biométricos anuais devido a minha densidade corporal, ou seja, aparento ser menos pesado do que sou. Credito este fato a ter sido amamentado até os dez primeiros meses de vida e às doses maciças de cálcio tomadas em 1968 após um acidente em que fraturei o fêmur e o joelho. Não sei se a Hemocromatose, excesso de ferro nos tecidos, diagnosticada há três anos, tem alguma coisa com isto.

Diante disto, ciente da importância do colete, adquiri um homologado pela Marinha antes mesmo do caiaque chegar. Como peso 93 kg, o que comprei foi para 100 quilos depeso. Na minha primeira remada com Juca, em um lago de água doce onde a flutuabilidade é ainda pior devido a densidade mais baixa da água, resolvi testar o colete da marca Ativa e foi um fracasso, o colete tende a sair pela cabeça e virar-me com o rosto para a água.  O Juca estava comigo, pesa menos de 80 kg e nele o colete ficou perfeito,  bem ajustado e confortável.

Minha teoria é a seguinte: além de minha flutuabilidade negativa, o fato de que em caiaque você fica sentado, recostado, amassando as células do colete, piora em  muito a capacidade do colete e pior é se a diferença de peso suportado pelo colete for pequena (de 93 para 100 quilos). Já no Juca, o colete ficou perfeito dado aos 20 kg de diferença. dele para mim. Se me perguntam hoje sobre coletes, recomendo que use um colete com capacidade para 20 kg acima de seu peso.

Pois bem, adquiri então um novo colete para 120 kg, modelo f-012 da Sumax, testei hoje e ficou perfeito. Simulei um desmaio com o rosto votado para a água e o colete desvirou-me em poucos segundos e manteve minha cabeça fora da água mesmo eu estando com roupa pesada de algodão e camisa de mangas compridas
Remei bastante e pinchei bastante e fiquei acabado,o que confirma a necessidade de voltar à academia. Joel, Ruy e Bigode, me chamaram para pescar hoje, mas vou descançar.

2 comentários:

  1. Fala Milton!
    Olha a cara de felicidade de vocês! Gostaram mesmo hein?
    A amarração com a cinta com catraca nas fotos, parece que ficou bem melhor do que com as cordas.
    Show de bola esse colete da Sumax!
    Agora, a melhor de todas, foi a das piabas engarrafadas. Não imaginei que a produção poderia ser grande assim. kkkkkk

    Valeu pela dica de post sobre flutuabilidade! A minha deve ser positiva, pois tenho uma facilidade danada para boiar em piscina, mar, etc. Por falar em boiar e em exercícios, comecei hoje a fazer. Vou aproveitar que linda está saindo de férias da faculdade e poderemos sair um pouco mais tarde de casa durante a semana, para nadar uns 30 min. Isso, para melhorar o condicionamento e reduzir algumas dores de fadiga muscular que sempre sinto por conta do sedentarismo.

    Grande abraço a todos!

    Juca

    ResponderExcluir
  2. Olá Juca, Lindinalva pegou as piabas com uma garrafa furada e pão. Concordo, ACADEMIA JÁ, para mim e para você.

    ResponderExcluir

Obrigado por seu comentário.